segunda-feira, julho 14, 2008

EUREKA

Existe algo realmente importante a tirar dos recentes incidentes em Loures que tem passado despercebido nas reportagens e nos comentários dos analistas.
Os ciganos sempre gozaram da fama de "intocáveis". Era sabido pelo povo que cedo a vingança chegaria caso se tentasse agredir, insultar ou cobrar-lhes impostos. Mas agora outra realidade transparece. Uma realidade homeostática inspirada no jogo da Tesoura-Papel-Pedra. O cigano lixa o branco, o branco lixa o preto e por sua vez o preto lixa o cigano.
E assim se mantém o equilíbrio do mundo.